Entrevista – Fernando Henrique Cardoso

Entrevista do Fernando Henrique Cardoso para o Kennedy Alencar, no programa É Notícia.

Coitado do FHC, tem que aguentar o fato do Lula ter superado ele em todos os aspectos.

Essa história de que há uma grande continuidade desde a redemocratização, ou mesmo desde o Itamar, é falsa. Ele quer dizer isso para minimizar as mudanças positivas ocorridas no governo Lula (em especial a partir do final do primeiro mandato, na área econômica). E o Brasil não andou pra frente em todo esse período. Na verdade, o Brasil andou pra trás durante as décadas de 80 e 90, em especial na época neoliberal dos 90.

É curioso que o próprio FHC na entrevista assume que o governo Lula já está diferente do que era no começo. Só que ele acha que no começo era bom. E ele fica acentuando essa continuidade como o que estava certo. É interessante ver como ele coloca o Palocci como figura chave dessa continuidade. Justamente o responsável pela continuação da política econômica neoliberal no início do Governo Lula. Foi depois da saída dele (e do Zé Dirceu) que a coisa começou a melhorar de fato.

E essa tentativa de dizer que Belo Monte também é privatização não faz o menor sentido!

Outra coisa bem curiosa é como o FHC comprou a crítica do Chico de Oliveira sobre a articulação do governo com os Fundos de Pensão. Acho que o Chico tem que começar a rever suas ideias, porque quando elas servem para um discurso conservador e neoliberal, é porque tem alguma coisa errada.

http://www.redetv.com.br/jornalismo/enoticia/?106677,Fernando-Henrique-Cardoso

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: